COMUNICADO CEERJ SOBRE A FERRAMENTA ZOOM MEETING

COMUNICADO CEERJ SOBRE A FERRAMENTA ZOOM MEETING

ACSE/CEERJ

Comunicado sobre a ferramenta Zoom Meeting

A Área de Comunicação do CEERJ atenta aos supostos problemas de segurança apontados para o uso da plataforma Zoom Meeting que teve nos últimos dias uma utilização massiva e que em decorrência disso recebeu ataque pelos hackers, vem esclarecer que aparentemente os problemas decorrem de dois fatores principais: (a) comunicação inadequada das características técnicas da plataforma (modo de criptografia) e (b) uso sem os devidos cuidados que o mundo cibernético reclama.

Lembramos que outras plataformas também estão sujeitas a problemas. A nossa segurança em navegação está estritamente ligada as características das plataformas mas também é decisivo o comportamento e modo de uso dos que a utilizam. Cuidemos dos fatores de risco e dos protocolos de segurança.

A Pandemia do COVID-19 nos impôs o isolamento social e em decorrência disso a ACSE/CEERJ comprometida com a manutenção das funções integradora, midiática e evangelizadora da Comunicação Social Espírita se viu estimulada a ofertar um recurso de fácil navegação e com estabilidade comprovada para garantir a divulgação doutrinária (palestras online) e ações estratégicas e organizacionais (reuniões online) para suprir a lacuna deixada pelo impositivo do distanciamento social. Encontramos no Zoom um bom produto e continuamos usando como uma plataforma de uso convergente para o Movimento Espírita, porém deixando claro que outras ferramentas também poderiam ser experimentadas.

Certa que o momento atual nos convida a refletir sobre a diferença do essencial e do dispensável, esperamos que este assunto não seja motivo para distrações indesejadas e antagônicas a todos os esforços empreendidos para que façamos da nossa malha de unificação do Estado do RJ, através de uma ferramenta digital, uma rede real de compartilhamento de conteúdo evangelizador, canal midiático que supra (mesmo que timidamente) as iniciativas iluminativas das atividades que mantínhamos nas casas espíritas, e acima de tudo que possamos nos sentir juntos apesar de separados pelos impedimentos materiais.

A situação atual é grande chance de aprendizado. Oportunidade única de relembrarmos valores já sedimentados pelo tempo e pelo exemplo de nosso codificador Allan Kardec, com sua postura de bom-senso e momento singular para nos exercitarmos na esperança e na certeza que somos capazes de superar todos e quaisquer obstáculos.

André Henrique de Siqueira, diretor da Área de Comunicação Social Espírita da Federação Espírita Brasileira indicou o artigo (https://www.tomsguide.com/news/zoom-security-privacy-woes) com uma análise dos problemas e indica como orientação direta:

a) Sempre ativar a sala de espera dos usuários, para evitar que alguém entre na reunião sem autorização;
b) Definir senha para a reunião;
c) NÃO salvar as gravações em computador local. E ao fazer o download das gravações, ter cuidado com a forma e com quem as gravações são compartilhadas.

Sigamos em paz,

Christiane Drux

Diretora de Comunicação CEERJ