Departamento de Unificação (unificacao@ceusg.org.br)

18/03/2015 19:33

Compete ao Departamento de Unificação:

a)         Promover a unificação do Movimento Espírita de São Gonçalo, congregando as Instituições Espíritas do Município através do 37º CEU;

b)         Representar o 37º CEU – São Gonçalo nos eventos do Movimento Espírita de âmbito municipal e estadual;

c)         Promover,  junto  com  o  Departamento  de  Orientação  Doutrinária,  atividades  de  orientação  e  ajuda  às Instituições Espíritas adesas ou não;

d)         Criar  e  coordenar  uma  “Comissão  Doutrinária”  para  visitar  os  trabalhos  das  Instituições  que  estejam elaborando seus processos de Adesão ao CEERJ, orientando as mesmas quanto às diretrizes a serem observadas;

e)         Apresentar  o  relatório  da  comissão  doutrinária,  aludido  na  alínea  acima,  com  parecer  favorável  ou desfavorável, quanto ao pedido de adesão ao CEERJ, através do 37º CEU, para deliberação deste Colegiado;

f)         Buscar a implantação de novas Instituições Espíritas, devidamente organizadas e com adequada orientação doutrinária e assistencial, em localidades em que se façam necessárias.

g)         Desenvolver o trabalho de união dos Espíritas e das Instituições Espíritas, assim como o de Unificação do Movimento  Espírita,  atuando  permanentemente junto  ao  37º  CEU,  acompanhando  e  apoiando  as  suas atividades, como elo fundamental no processo de unificação nas suas regiões de atuação.

h)         Criar e manter, em permanente atualização, fontes de consultas para o atendimento das necessidades das Instituições Espíritas.

i)          Realizar, anualmente, através do 37º CEU, a captação de dados das Instituições Espíritas adesas, visando a permanente  atualização  das  suas  informações  institucionais,  publicando,  quando  possível,  em  opúsculo próprio, os dados coligidos para distribuição ao Movimento Espírita.

j)          Estimular o relacionamento intra e interpessoal dos trabalhadores do Movimento Espírita, buscando seu bem estar e a convivência fraterna, indispensáveis à execução das tarefas demandadas.

k)         Realizar outras tarefas inerentes à Unificação casuisticamente necessárias e, bem assim, outras demandadas do Movimento Espírita e São Gonçalo;

l)          Representar o 37º CEU em eventos fora do âmbito espírita, principalmente no tocante a Órgãos Públicos e outros segmentos religiosos.

Texto retirado da Resolução do 37º CEU,

disponível para baixar no menu Download